Opções de procura
Home Sala de imprensa Notas explicativas Estudos e publicações Estatísticas Política monetária O euro Pagamentos e mercados Carreiras
Sugestões
Ordenar por

Iniciativa “ECB Youth Dialogue”

Sabemos que as decisões que tomamos podem ter impacto no teu dia a dia. É por essa razão que queremos assegurar que não ouves apenas falar de nós ou sobre nós, mas também podes falar connosco diretamente.

A iniciativa “ECB Youth Dialogue” dá‑te essa oportunidade. Organizamos eventos em toda a Europa – e também online – que te permitem entrar em contacto direto com os decisores de políticas do BCE para colocar questões e partilhar os teus pontos de vista.

Diálogo online entre jovens e Luis de Guindos, dezembro de 2020

Cerca de 200 estudantes da Universidade de Colónia colocaram questões ao vice-presidente Luis de Guindos sobre a resposta do BCE à crise do coronavírus, as perspetivas económicas para a área do euro, bem como as alterações climáticas e a banca central. O evento online teve lugar em 16 de dezembro e foi organizado em colaboração com a Universidade de Colónia.

Eis uma pequena amostra da discussão.

Sobre a recuperação da pandemia de coronavírus

Trata‑se de uma crise sem precedentes no que respeita à origem do choque e à rapidez com que a pandemia provocou uma diminuição do produto interno bruto (PIB) a nível mundial. As nossas medidas ajudaram a reduzir o impacto da crise, mas os níveis do PIB levarão cerca de dois anos a recuperar plenamente.

Sobre as medidas económicas sdotadas durante a pandemia

Temos de conseguir uma abordagem equilibrada entre evitar empresas zombie e ajudar as chamadas “belas adormecidas”, ou seja, empresas viáveis que estão em dificuldades devido à pandemia.

Alterações climáticas e o BCE

As questões relativas às alterações climáticas fazem parte do trabalho de qualquer banco central, porque afetam a estabilidade financeira, as perspetivas económicas, a inflação e o crescimento.

Sobre o reexame da estratégia do BCE

A política monetária não é sobre revolução, mas evolução. A definição de estabilidade de preços do BCE pode ser modificada, mas muito mais importante são os instrumentos que utilizaremos para a sua consecução.

Sobre a conclusão da união bancária

Penso que concluir a união bancária poderá ser fundamental para dar resposta a certas questões a nível europeu, designadamente a baixa rentabilidade dos bancos europeus.

Edições anteriores

Diálogo com Christine Lagarde no âmbito do Evento Europeu da Juventude, online, maio de 2020

Jovens europeus colocaram questões à presidente Christine Lagarde sobre a resposta do BCE à pandemia de coronavírus num diálogo realizado online. O diálogo foi organizado em conjunto com o Parlamento Europeu, no âmbito do Evento Europeu da Juventude 2020, e teve lugar em 27 de maio de 2020.

Os participantes também enviaram perguntas sobre os seus receios no que respeita a carreiras e sobre o futuro da Europa, a digitalização e as alterações climáticas. Eis alguns destaques da conversa.

Reflexões da presidente Christine Lagarde sobre…

… o impacto económico da pandemia de coronavírus

Os vírus não conhecem fronteiras e afetam‑nos a todos. As consequências serão, contudo, diferentes em função de fatores como a situação de um país antes da pandemia e a natureza da sua economia. É nosso dever coletivo assegurar que superamos esta crise de forma tão equilibrada quanto possível.

… o aumento da dívida dos países

Aquilo em que investimos é que importa realmente. Devemos transformar as nossas economias e torná‑las mais eficientes, produtivas e capazes de responder às necessidades das pessoas. Devemos também encorajar a utilização de dívida para investir na resistência às alterações climáticas e promover o crescimento sustentável.

… a colaboração entre as instituições europeias

Os decisores de políticas da União Europeia têm mantido um contacto constante nesta situação de crise para comparar melhores práticas e dar uma resposta coordenada à pandemia. Precisamos de responder coletivamente. Com as medidas certas, temos a possibilidade de superar juntos esta situação.

… as alterações climáticas

É preciso dar uma resposta coletiva às alterações climáticas. Não é algo que possa ser resolvido unilateralmente. O BCE pertence à Rede para a Ecologização do Sistema Financeiro (Network for Greening the Financial System – NGFS), que reúne cerca de 50 bancos centrais e autoridades de supervisão e visa explorar possíveis respostas ao desafio excecional das alterações climáticas.

... o futuro dos jovens

Os jovens europeus têm de estar preparados para a mudança. Todos nós aprendemos ao longo do tempo, adquirimos novas competências e conhecimentos. Transformamo‑nos e temos de estar preparados para isso.

Vê o vídeo integral do evento

Fotografias
Vencedores do concurso “Geração €uro” colocam as suas perguntas a Mario Draghi, Frankfurt am Main, maio de 2019

Mais de 5 mil estudantes de dez países da área do euro participaram na oitava edição do concurso “Geração €uro”um concurso que desafia equipas de alunos de escolas da área do euro a sugerirem soluções para questões do foro da política monetária europeia. O BCE convidou as equipas vencedoras a deslocarem‑se a Frankfurt am Main, em 8 de maio de 2019, para ficarem a saber ainda mais sobre banca central e participarem numa sessão de perguntas e respostas com o antigo presidente do BCE, Mario Draghi.

Esta é uma pequena amostra das respostas de Mario Draghi às perguntas dos estudantes.

O que disse sobre…

… a forma como os jovens podem moldar o futuro da Europa

A Europa funciona se trabalharmos em conjunto e, para isso, precisamos de vocês. Queremos ouvir o que têm a dizer. Precisamos que se envolvam em debates e defendam aquilo em que acreditam. Uma forma de o fazer é participar nas eleições europeias. Com o vosso voto podem moldar o futuro da Europa.

… a comunicação dos bancos centrais com o público

Os bancos centrais, hoje em dia, esforçam‑se constantemente por serem transparentes e explicarem o seu trabalho ao público em geral. Existe um fluxo contínuo de informação através de conferências de imprensa, comunicados de imprensa, discursos e iniciativas de diálogo com os jovens.

... a realização plena da União Económica e Monetária

A nossa união monetária ainda não é a ideal, nem está concluída. A partilha de uma moeda única requer uma integração mais profunda na União Europeia.

… criptomoedas

As criptomoedas não são moedas, são ativos com um grau elevado de risco. Um euro vale hoje o mesmo que um euro amanhã. O BCE protege o euro, mas quem protege as criptomoedas?

… o apoio ao euro

O euro conta com o apoio de 75% dos cidadãos da área do euro – um máximo histórico. Contudo, um estudo publicado pelo Banque de France revela que muitas pessoas estão convencidas de que o euro fez mais por outros países do que pelo seu próprio. Isto deve‑se provavelmente à crise sem precedentes que vivemos. Com o desvanecimento da memória da crise, esperamos que este sentimento também desapareça.

… o que recordará mais vivamente do período como presidente do BCE

Em 2012, muitos pensavam que o euro estava morto. Teve então lugar a reunião do Conselho Europeu, na qual foi criada a união bancária. Os mercados estavam tão em baixo, na altura, que subvalorizaram a sua importância. Foi, porém, uma grande mudança, que produziu resultados importantes. O que esta reunião do Conselho demonstrou foi o empenho político dos nossos líderes em favor do euro.

Vê o vídeo da sessão de perguntas e respostas entre Mario Draghi e as equipas vencedoras do concurso “Geração €uro” e dá uma vista de olhos às fotografias do evento na galeria de imagens.

Vídeo da cerimónia de entrega dos prémios
Galeria de imagens
Diálogo entre jovens e Benoît Cœuré, Milão, Itália, março de 2019

A sexta edição da iniciativa “ECB Youth Dialogue” foi realizada em parceria com a Universidade Bocconi e a plataforma Debating Europe – uma plataforma digital onde os jovens podem discutir questões atuais com líderes europeus. Em 13 de março de 2019, o antigo membro da Comissão Executiva do BCE, Benoît Cœuré, encontrou‑se com estudantes para discutir os desafios enfrentados atualmente pela juventude europeia. Antes do evento, solicitámos que nos fossem enviadas perguntas para colocar a Benoît Cœuré através do Twitter ou de comentários na plataforma Debating Europe. Procedemos depois a uma seleção das perguntas apresentadas e as selecionadas foram abordadas no debate ao vivo.

Eis uma pequena amostra da discussão.

Sobre a importância da educação

Na Europa, é preciso redirecionar a despesa pública para a educação. Os jovens estudantes devem receber a formação de que necessitam para competir com êxito no mercado de trabalho digital mundial.

Sobre a inovação e a digitalização

Temos de reforçar a capacidade da Europa para inovar. O investimento público e privado deve apoiar a digitalização nas indústrias de ponta e a união dos mercados de capitais pode desempenhar um papel central na afetação do capital a onde este é mais necessário.

Sobre o papel dos jovens europeus

São vocês que traçarão o caminho que determinará os passos históricos que a Europa dará a seguir.

Sobre a economia italiana

A situação económica em Itália não constitui uma ameaça para a área do euro. O principal desafio do país consiste em aumentar a produtividade a mais longo prazo.

Sobre a igualdade de género

A desigualdade de género restringe o crescimento. Se mais mulheres trabalharem e receberem uma remuneração igual por trabalho igual, os padrões de vida na Europa aumentarão.

Sobre o numerário na era digital

O numerário é uma componente essencial da confiança numa moeda. Os meios de pagamento devem ser determinados pela procura. Estamos a estudar as moedas digitais, mas constatamos que ainda existe uma forte procura de numerário na área do euro.

Vê o vídeo com a troca de perguntas e respostas, sobre estes e outros temas, entre Benoît Cœuré e estudantes da Universidade Bocconi.

Diálogo entre jovens e Mario Draghi: #AskDraghi, janeiro de 2018

A terceira edição da iniciativa “ECB Youth Dialogue” foi realizada em parceria com a plataforma Debating Europe.

De 17 a 23 de janeiro de 2018, solicitámos que fossem enviadas, através do Twitter e do Facebook, perguntas ao antigo presidente do BCE, Mario Draghi, sobre qualquer um dos temas seguintes:

  • Recuperação económica da Europa e desemprego dos jovens
  • Criptomoedas e tecnologia de cadeia de blocos ou blockchain
  • Possibilidade de uma nova crise económica a nível mundial

Vê os vídeos com as respostas de Mario Draghi a algumas das perguntas recebidas e o debate nos nossos canais nas redes sociais.

Quando é que a Europa recuperará plenamente da recessão?
Ismail, Itália

Recuperação económica da Europa e desemprego dos jovens

A economia europeia regista uma expansão contínua há já vários anos e o emprego é mais elevado do que antes, mas é necessário prosseguir a melhoria e assegurar que todos beneficiam.

Imaginando que a inteligência artificial e os robôs provocam um enorme desemprego entre os jovens, como reagiria o BCE?

Jan, Bélgica

Criptomoedas e tecnologia de cadeia de blocos ou Blockchain

A tecnologia de blockchain é inovadora e poderá aumentar a eficiência. Estamos a analisar a possibilidade de a utilizar nos nossos serviços no futuro. No que respeita à bitcoin e à questão se devemos confiar nela, Mario Draghi recomenda cautela, dado que não é protegida por qualquer banco central ou governo, acrescentando que não compete ao BCE regular a bitcoin.

Como é que a tecnologia de blockchain pode apoiar a economia?

Victoria, França

Se fosse um jovem estudante universitário como eu, compraria bitcoin e mantê‑la‑ia como salvaguarda?

Italo, Itália

Possibilidade de uma nova crise económica a nível mundial

A última crise foi grave, mas o pior já passou. Os países europeus entraram na crise com grandes problemas e não conseguiram reagir de modo adequado. Atualmente, como foram realizados progressos significativos em muitos domínios, estamos mais bem preparados para o futuro.

Pensa que a União Europeia e o BCE conseguirão introduzir reformas suficientes para lidar com outra grande crise económica antes que ela aconteça?

Christiaan, Países Baixos

Mais informação

Pretendes saber mais sobre os temas da iniciativa “ECB Youth Dialogue”? Consulta as páginas a seguir indicadas.

Possibilidade de uma nova crise económica a nível mundial
Criptomoedas e tecnologia de cadeia de blocos ou blockchain
Recuperação económica da Europa e desemprego dos jovens
  • Youth unemployment in the euro area, discurso de abertura de Mario Draghi, antigo presidente do BCE, na série de conferências Henry Grattan no Trinity College Dublin, 22 de setembro de 2017
  • Accompanying the economic recovery, discurso de Mario Draghi, antigo presidente do BCE, no Fórum do BCE sobre Banca Central em Sintra, 27 de junho de 2017
Diálogo entre jovens e Mario Draghi, Dublin, Irlanda, setembro de 2017

O antigo presidente do BCE, Mario Draghi, reuniu‑se com jovens europeus em 22 de setembro de 2017, no Trinity College Dublin.

O evento foi organizado em parceria com o banco central da Irlanda (o Banc Ceannais na hÉireann/Central Bank of Ireland) e o Trinity College Dublin.

A tecnologia de blockchain tem um papel a desempenhar no futuro? A possibilidade de virem a verificar‑se bolhas especulativas imobiliárias representa uma preocupação crescente para o Conselho do BCE? Em que medida é que as indicações sobre a orientação futura da política monetária e uma comunicação clara são encaradas como uma componente essencial dos bancos centrais modernos?

Vê o vídeo com a troca de perguntas e respostas, sobre estes e outros temas, entre Mario Draghi e estudantes de Economia do Trinity College Dublin.

Diálogo entre jovens e Mario Draghi, Lisboa, Portugal, junho de 2017

O antigo presidente do BCE, Mario Draghi, foi o anfitrião da primeira iniciativa “ECB Youth Dialogue” em Lisboa, organizada em parceria com o Banco de Portugal e o Instituto Superior de Economia e Gestão (ISEG).

Vê o vídeo do debate sobre o significado da inovação e da produtividade para os jovens.

VÊ TAMBÉM

Conteúdos relacionados

Diálogo com jovens sobre temas relacionados com a supervisão bancária

O BCE acolhe eventos específicos para interagir com jovens acerca da supervisão bancária. Encontras mais informação no sítio do BCE dedicado à supervisão bancária.

Diálogo com jovens sobre a supervisão bancária

Todas as páginas desta secção