Proteção ambiental no BCE

Enquanto instituição europeia, o BCE tem um papel a desempenhar na proteção do ambiente e no combate às alterações climáticas. Para melhorar o seu desempenho ambiental e reduzir o mais possível a sua pegada de carbono, adotou uma política ambiental em 2007 e está registado no Sistema de Ecogestão e Auditoria (EcoManagement and Audit Scheme – EMAS) da União Europeia desde 2010.

Desde 2008, reduzimos

as emissões de carbono por posto de trabalho em 74%

o consumo de energia por posto de trabalho em 54%

o consumo de papel de escritório por posto de trabalho em 69%

Em 2019

eliminámos o uso de substâncias perigosas no processo de limpeza, optando por utilizar métodos não químicos

unimos esforços com o Parlamento Europeu para compensar as restantes emissões de CO2

passámos a possibilitar a apresentação de propostas por via eletrónica nos concursos públicos, a fim de reduzir o consumo de papel

Proteção ambiental no BCE

Mais informação
sobre a proteção ambiental no BCE e em outras instituições europeias

Política ambiental do BCE

Define um conjunto de medidas claras, que nos ajudam a melhorar o nosso desempenho ambiental e a minimizar a nossa pegada ecológica.

Eficiência energética do edifício principal do BCE

Fique a saber como reciclamos a energia, o calor e a água da chuva para tornar o nosso edifício o mais ecológico possível.

Colaboração interinstitucional

Saiba mais acerca do modo como as instituições europeias registadas no EMAS trabalham em conjunto para reduzir a sua pegada ecológica.

Publicações anteriores