Arte e cultura no BCE

A União Europeia acolhe um conjunto rico e diversificado de culturas, constituído pelas tradições de cada um dos seus países e regiões. O BCE promove essa diversidade artística e cultural através dos seus eventos e iniciativas.

Coleção de obras de arte e exposições do BCE

A coleção de obras de arte do BCE inclui cerca de 450 pinturas, desenhos, fotografias, esculturas e objetos de arte. Continua a crescer, principalmente através de aquisições de obras para a série de exposições anuais subordinada ao tema “Arte contemporânea dos EstadosMembros da União Europeia”, no âmbito da qual é apresentado um país diferente todos os anos. A série de exposições anuais visa mostrar as diversas vertentes da produção artística de cada país e destacar algumas das principais ideias atualmente em discussão no mundo da arte. Desde 2015, a coleção do BCE aumentou também com a aquisição de obras sobre temas específicos para os vários edifícios do BCE.

Em 2018, o BCE organiza, em cooperação com o Eesti Pank, uma exposição de arte contemporânea da Estónia – a 21.ª exposição da série de exposições anuais. Com esta exposição, o BCE congratula-se igualmente por participar nas comemorações do centenário da independência da Estónia. Entre 28 de junho e 26 de outubro de 2018, serão apresentadas mais de 50 obras, criadas por 14 artistas e grupos de artistas, cujo trabalho é representativo da cultura visual e digital, em rápida mutação, dos nossos dias e das formas como esta molda a nossa perceção e comportamento. Algumas obras de arte abordam temas como o nacionalismo, o feminismo e o capitalismo na Europa Oriental pós‑soviética. Outras apresentam um grande plano das múltiplas oportunidades e riscos do mundo globalizado atual ou um close-up do meio envolvente de cada indivíduo e da perceção que cada um tem desse meio e de como interage com o mesmo.

São apresentadas obras dos seguintes artistas: Merike Estna, Flo Kasearu, Kristi Kongi, Paul Kuimet, Kris Lemsalu, Marko Mäetamm, Marge Monko, Krista Mölder, Katja Novitskova, Kaido Ole, Kristina Õllek & Kert Viiart, Laura Põld, Taavi Suisalu e Sigrid Viir.

A exposição está aberta ao público através de visitas guiadas. As datas exatas e os pormenores sobre a inscrição nas visitas podem ser consultados no sítio Web da Kulturothek.

Dias Culturais

Os “Dias Culturais” do BCE proporcionam uma oportunidade de celebrar a Europa “unida na diversidade” e, todos os anos, destacam um Estado-Membro da União Europeia.

Na sequência do evento “Inspiring Spain” em 2017, os “Dias Culturais” de 2018 apresentam as realizações culturais notáveis da Lituânia.

Mais informação


Luminale de 2018

Outras visitas

O BCE participou na Luminale de 2018 transformando a fachada norte do edifício histórico do Großmarkthalle numa enorme galeria de arte urbana animada. Entre 18 e 23 de março de 2018, cor e movimento deram vida ao edifício principal do BCE, graças à Urbanscreen, uma empresa criativa e coletivo de artistas de Bremen, e a Andreas Preis, um ilustrador de renome, que vive e trabalha atualmente em Berlim.

Mais informação sobre a Luminale de 2018
Documentário de bastidores e entrevistas com os artistas
Fotografias do evento